qui. jul 18th, 2019

Hipismo – 1ª prova Internacional em Curitiba tem vitória de Marcello Ciavaglia

Até domingo, 28, a Sociedade Hípica Paranaense é palco do Concurso de Salto Internacional, Nacional e 2ª Etapa do Longines Extreme Challenge

 

Foi dada largada nessa quinta-feira, 24/4, ao Concurso de Salto Internacional e Nacional e 2ª Etapa Longines Xtreme Challenge, na Sociedade Hípica Paranaense. A competição que segue até domingo, 28, tem 27 provas de 1 a 1.60 metro. A principal prova dessa quinta foi qualificativa do GP, a 1.40/1.60 metro, válido como seletiva da liga sul-americana para Final da Copa do Mundo 2020 e 2ª Etapa do Ranking Brasileiro Senior Top 2019, que acontece no sábado, 27, às 13h00. Também no sábado, 27, rola a prova final da 2ª Etapa Longines Xtreme Teams Challenge, inédita competição por equipes criada pelo cavaleiro olímpico Doda Miranda, com início às 16h00.

Dos 25 conjuntos que largaram na qualificativa do GP, 15 zeraram a 1ª passagem e 13 voltaram para o desempate idealizado pelo course-designer internacional paranaense Vailton Jaci Cordeiro, o Baíca. Sagrou-se vencedor o top carioca Marcello Ciavaglia montando Conto que zerou o desempate em 35s28. Em 2º lugar o chegou o paulista José Roberto Reynoso Fernandez Filho, campeão brasileiro Senior Top 2018 e do ranking Senior Top 2018, com seu Azrael W, sem faltas, 36s81. O brasiliense Flavio Grillo Araujo com Lorentino JMen, pista limpa, 37s, garantiu a 3ª colocação. Boa parte dos concorrentes da série Internacional e ranking brasileiro Seniorn Top também são candidatos a uma vaga no Time Brasil nos Jogos Pan-americanos 2019, valendo vaga para Toquio 2020.

A medalhista pan-americana Karina Johannpeter, vencedora do GP World Cup Qualifier e 1ª etapa ranking brasileiro senior Top na Hípica Paulista em 7/4, zerou a 1ª passagem com Challenger JMen, de 14 anos, e optou por poupar sua montaria no desempate já visando o GP de sábado. Em paralelo, Karina Johannpeter – que também está em atividade na Europa – integra a equipe Imperium do Longines Xtreme Challenge, 100% feminina, ou seja, formada exclusivamente por amazonas.

Longines Xtreme Challenge

Depois da emocionante estreia na Sociedade Hípica Paulista, em São Paulo, no início deste mês, o Longines Xtreme Teams’ Challenge – primeiro campeonato por equipes com integrantes de diversas categorias do hipismo nacional – chegou à Sociedade Hípica Paranaense.

O Longines XTC reúne muitos familiares em suas 13 equipes, geralmente, formadas por 10 ou 9 cavaleiros onde somente sete podem competir em cada etapa. É o caso, por exemplo, da equipe Opus, campeã na 1ª Etapa, que traz entre seus integrantes dois primos – José Reynoso Fernandez Filho, 39, e José Luiz Guimarães de Carvalho,37, e duas irmãs – Lys e Vivian Katherine Park Kang, com 12 e 17 anos, respectivamente. Estreando no campeonato, o medalhista olímpico Doda, 46 anos, ainda não vai poder competir oficialmente pela primeira vez com a sua filha Vivi Miranda, de 19 anos, que também é uma das representantes da equipe Imperium na competição.

“O Longines XTC tem como meta principal passar a experiência dos principais cavaleiros do país para os mais jovens de diversas categorias, como agora está acontecendo comigo diretamente com a minha filha. Representante da categoria Jovens Cavaleiros, a Vivi participou muito bem da Qualificatória 1, de 1,20 metro, na Hípica Paulista. Agora, em Curitiba, é ela quem não competirá nesta 2ª etapa do Longines XTC para dar um pouco mais de fôlego ao seu experiente cavalo. Assim, a nossa estreia fazendo percursos na mesma competição por equipe deve ocorrer na 3ª etapa, no Clube Hípico de Santo Amaro, no início de junho”, adianta Doda Miranda.

Das oito etapas do Longines Extreme Challenge – com recorde R$ 2 milhões em premiação – quatro acontecem na Sociedade Hípica Paulista incluindo a final e o play off, duas no Clube Hípico de Santo Amaro (SP), uma na Sociedade Hípica Brasileira no Rio e a desse final de semana agita a Sociedade Hípica Paranaense.

Programação série Nacional – Fechando a série Nacional em Curitiba no domingo, 28, a Copa Ouro, a 1.35 metro, acontece às 10h30 e o GP/Clássico, 1.45 metro, tem início às 1.45 metro.


Qualificativa GP – 1.45 metro – 25/4

1º Marcello Ciavaglia / Conto – BRA/FPH – 0/35s28
2º José Roberto Reynoso Fernandez Filho / Azrael W – Brasil/FPH – 0/36s81
3º Flavio Grillo Araujo / Lorentino JMen – Brasil / FHBR – 0/37s
4º Juliano Loureiro Carlos / Baloubest – Brasil/FPH – 0/37s21
5º Tiago de Mesquita / Corvett de Collines – Brasil/FEERJ – 0/37s70
6º Pedro Paulo Lacerda / Empire van´t Ruytershof – Brasil/FHMG – 0/38s87

Sociedade Hípica Paranaense
CSI-W, CSN e 2ª Etapa LXTC – 24 a 28/4
Rod br 116 – Atuba, Curitiba – PR
Entrada franca

Resultados completos e programação – clique aqui.

 

Colaboração: Imprensa CBH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *